Novidades por e-mail

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

A Arte da Prioridade

Estava pensando como as pessoas tem dificuldade de definir o que vem primeiro....

Se você já faz uma lista de tarefas, o que deve ser executado primeiro? 

Bom, existe muito material sobre este assunto, mas o resumo do resumo é o seguinte:

As tarefas podem ser divididas no que é URGENTE e IMPORTANTE

Urgente é quando uma tarefa tem data para entrega definida. Uma entrega de um trabalho, um evento, etc...
Importante é quando esta tarefa possui impacto em relação a outras. Exemplo, explicar como se faz uma tarefa para outra pessoa é muito importante para que esta pessoa execute bem este trabalho.

Se você usar dois parâmetros apenas POUCO e MUITO, para simplificar o entendimento você terá um quadrante assim:


No quadrante vermelho estão as tarefas muito urgentes e muito importantes, estas você deve listar e executar imediatamente. Sempre estas serão as primeiras tarefas a serem executadas.

No quadrante amarelo, estão as tarefas muito urgente mas pouco importantes, elas tem o mesmo peso do que as do quadrante azul e somente o bom senso dirá quem virá primeiro. Hora a urgência tem prioridade hora não.

E por fim, temos o quadrante verde, que são tarefas que não tem importância nem urgência, logo elas podem aguardar as outras serem executadas primeiro.
Sugiro que defina datas de entrega para estas tarefas, para que um dia elas se tornem urgentes, só assim você conseguirá tirar elas do quadrante atual.

Lembre-se que quando você delega uma tarefa, é importantíssimo você dar atenção para ela, e muitas vezes a explicação para a pessoa que foi delegada a tarefa torna-se urgentíssima pois sem a explicação não espere que as coisas saiam como você imagina.

Não é uma regra mágica, mas ajuda bastante em definir o que é uma escala de prioridade. Com a prática você pode atribuir notas 1,2,3 de importância ou ainda uma escala de 1 a 10.

Pratique esta brincadeira e você se divertirá e aprenderá que processo decisório do que fazer primeiro é fácil, basta praticar.

Espero que tenha gostado, se você já conhecia ou praticou deixe seu comentário? 

Grande abraço,
Cássio Lacerda
Postar um comentário

Receba novidades por e-mail

Seu e-mail:

Provido por FeedBurner